| Em 08/11/2019

Confap e SNSF assinam Memorando de Entendimento

O Conselho Nacional das Fundações Estaduais de Amparo à Pesquisa (Confap) e a Fundação Nacional de Ciência da Suíça (SNSF) assinaram na tarde da última quinta-feira, 7, Memorando de Entendimento (MoU) durante o Simpósio “10 Anos do Acordo Suíço-Brasileiro em Ciência e Inovação: Resultados e Perspectivas”. O evento foi realizado no Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, em Brasília.

A diretora de Infraestrutura de Pesquisa e Políticas de Formação e Educação em Ciência, Zaira Turchi, ex-presidente do Confap, representou o Conselho no evento.

O MoU tem como objetivo principal apoiar projetos de pesquisa em conjunto entre grupos de pesquisa brasileiros e suíços e dar apoio aos projetos aprovados na chamada CNPq-SNSF, lançada em agosto deste ano por meio das FAPs e do SNSF.

O Memorando prevê ainda a preparação e coordenação de outras atividades a serem realizadas em conjunto. As atividades serão acordadas com apoio do Confap em acordos mútuos e específicos entre as FAPs e o SNSF. O Memorando de Entendimento terá a validade de quatro anos, sendo prorrogável por igual período.

Chamada CNPq – SNSF

Durante o evento, foi divulgado o resultado da chamada CNPq – SNSF. No total, 12 projetos foram aprovados, sendo 6 na área de Recursos Hídricos Relacionados à Questão Ambiental e 6 na área de Tecnologias de Informação e Comunicação, com duração de 36 meses. Das propostas, 3 são coordenadas por mulheres da Suíça e uma do Brasil.

O Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) vai apoiar 8 projetos e as FAPs, coordenadas pelo Confap, vai apoiar outros 4. Foram recebidas 33 propostas, com valor máximo de solicitação de R$ 400 mil.

Assessoria de Comunicação Social do Confap