Emerge Labs – edição Ciências da Vida – busca 16 projetos de base científica

Fomentar e fortalecer a inovação tecnológica no Brasil via empreendedorismo de impacto social. Na prática, apoiar jovens cientistas que estão desenvolvendo pesquisas nas áreas de biotecnologia e saúde, nanotecnologia ou alimentos; inovações com real potencial de mercado e de impacto socioeconômico. Com essa proposta, o Emerge Labs está em busca de 16 projetos de pesquisa liderados por cientistas, pesquisadores, professores e profissionais de startups. Os selecionados vão integrar um laboratório de inovação, voltado a tirar as ideias do papel e do ambiente acadêmico. A inscrição para a formação pode ser feita até 08 de agosto pelo site www.emerge.org.br/labs.

Para a inscrição no Emerge Labs, o candidato deve preencher o EmergeLevel, em que será gerado um relatório gratuito da sua tecnologia, e um questionário com informações pessoais, da equipe e informações finais. O processo seletivo irá avaliar o perfil dos candidatos pela sua criatividade, audácia, habilidades de comunicação e potencial de impacto socioeconômico do projeto.

Segundo Guilherme Rosso, presidente da Emerge, o laboratório é um desafio que privilegia a prática para que os participantes transformem ideias em soluções mercadológicas de impacto social e com rentabilidade. “No nosso manifesto, defendemos que a inovação não vem de Marte, dos Estados Unidos ou dos robôs. Ela nasce de conhecimento, encontros e motivação para resolver problemas. A inovação nasce de gente que sozinha ou em grupo se dedica para criar novas ou melhores soluções para problemas novos e antigos; gente que desenvolve habilidade para criar, combinar e inventar. Em universidades de todo o mundo há uma geração de inovadores brasileiros. O nosso papel é achar, conectar e apoiar quem está criando o novo em prol de um mundo melhor”, afirma.

A iniciativa vai ao encontro de um campo em expansão da inovação social no país. “O Emerge Labs está nessa esfera de identificação, apoio e conexão de jovens inovadores; brasileiros que estão desenvolvendo pesquisas e tecnologias com alto potencial de impacto social. Apoiamos uma iniciativa que busca dar suporte para que essas inovações cheguem ao mercado e melhorem a vida das pessoas”, afirma Talita André, da Fundação ARYMAX.

Com uma edição bem sucedida em 2017, a Emerge aprimora a edição de 2018 do programa com diversos conteúdos e novidades.

Programa
Em um programa de quatro meses e 32 horas de formação presencial, subdividido em quatro blocos, os participantes terão acesso a um conteúdo exclusivo e a suporte para aprimorar a ideia ou protótipo, levando-os do papel e bancada rumo ao mercado. O Emerge Labs apresenta conceitos, conteúdo e cases nacionais e internacionais de processos de inovação, pesquisa e desenvolvimento, e go-to-market – abordando temas relacionados à identificação de oportunidades, colaboração, milestones, cadeia de adoção, prototipagem, propriedade intelectual, criação de negócios e articulação de parceiros, clientes e recursos para inovações tecnológicas. O programa também tem abordagem prática voltada às iniciativas dos participantes, conta com a presença de convidados especiais, dinâmicas e desafios práticos para que jovens avancem em suas ideias rumo ao mercado.

Coordenado cientificamente por Marcelo Sousa, PhD Havard/USP, foi professor de empreendedorismo do Insper e recebeu prêmios acadêmicos nacionais e internacionais, incluindo o reconhecimento na lista MIT Under 35 Latam em 2018. Fundador e Cientista Chefe (CSO) da startup Bright Photomedicine, criada a partir da tecnologia desenvolvida durante o doutorado, elevou seu valor de mercado 50 vezes nos últimos 3 anos. Também é formado em empreendedorismo tecnológico em Columbia com Steve Blank e Lemann Fellow.

Uma rede de cientistas, empreendedores, professores da FEA-USP e advogados especialistas em propriedade intelectual irão mentorar os projetos. Ocorrerá o Demoday, aberto ao público, no dia 28 de novembro às 19 horas para apresentação dos projetos e suas evoluções para investidores e interessados. As atividades presenciais acontecerão na Faculdade de Economia, Administração da Universidade de São Paulo.

CRONOGRAMA

O quê? Data
Período de inscrições 11 de junho a 08 de agosto
Entrevistas 09 de agosto a 14 de agosto
Seleção dos participantes 15 de agosto
Divulgação dos selecionados 16 de agosto
1º Encontro Presencial em São Paulo 25 de agosto (9hs às 18hs)
2º Encontro Presencial em São Paulo 22 de setembro (9hs às 18hs)
3º Encontro Presencial em São Paulo 20 de outubro (9hs às 18hs)
4º Encontro Presencial em São Paulo 28 de novembro (9hs às 17hs)
Demoday 28 de novembro (19hs às 21hs)

Inscrições: www.emerge.org.br/labs

Sobre a Iniciativa Emerge

Criada em 2016, a Emerge – organização sem fins lucrativos – nasceu para fomentar e fortalecer a inovação tecnológica orientada ao mercado no Brasil, focada especialmente na emergente comunidade de cientistas empreendedores. A iniciativa resulta no fortalecimento da comunidade de jovens inovadores do Brasil.

Fonte: Emerge.