Seminário discutirá a avaliação de políticas públicas de CT&I

Pesquisadores, profissionais e gestores que estudam ou atuam com avaliação de políticas públicas de ciência, tecnologia e inovação terão uma importante oportunidade de compartilhar pesquisas e metodologias, além de conhecer outras abordagens sobre o tema. Será o I Seminário de Avaliação de Políticas de CT&I, organizado pelo Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) e pelo Centro de Gestão e Estudos Estratégicos (CGEE), que acontecerá nos dias 12 e 13 de setembro de 2018.

O objetivo da iniciativa é integrar os participantes em uma rede consistente e sistêmica, como forma de dar visibilidade às informações na área de avaliação e ampliar o debate sobre a estratégia de fomento, promovendo nacionalmente o intercâmbio entre profissionais, pesquisadores e interessados no tema.

Para participar do evento apresentando um trabalho, é preciso fazer a submissão da proposta pelo site do Seminário. A chamada ficará aberta do dia 2 de abril a 4 de junho.

Os trabalhos a serem apresentados deverão estar enquadrados nos seguintes eixos:

Eixo 1: Análise de políticas, programas e ações de CT&I: Análise das ações e programas de fomento à pesquisa científica e tecnológica e à formação de recursos humanos; avaliação regional de políticas e programas de fomento científico, desenvolvimento tecnológico e inovação; avaliação das ações e programas de CT&I voltados ao empreendedorismo em micro e pequenas empresas; análise de cenários para a CT&I no Brasil.

Eixo 2: Metodologias de avaliação e mensuração de impactos de programas, políticas e ações de CT&I: Indicadores de avaliação de resultados e impactos dos programas de fomento em CT&I; ferramentas ou procedimentos de análise de dados e informações na CT&I; redes de cooperação nacional e internacional no ambiente de CT&I; aspectos sócio-econômicos do impacto de programas e políticas de CT&I.

No dia 6 de agosto será divulgada a lista de trabalhos selecionados. Além da possibilidade de exposição oral no Seminário, as propostas escolhidas serão incluídas nos anais do evento e os melhores artigos serão também publicados na Revista Parcerias Estratégicas.

Durante o anúncio do Seminário, na 179ª reunião do Conselho Deliberativo do CNPq, no dia 21 de março, o presidente da agência, Mario Neto Borges, ressaltou a importância da iniciativa. “Esse trabalho será um marco na trajetória da ciência, tecnologia e inovação do país, ao contribuir no aprimoramento das políticas públicas nesse setor”, pontuou Maro Neto.

De acordo com o coordenador científico do Seminário pelo CGEE, Antônio Galvão, o Brasil não tem tradição em avaliar políticas públicas. “Temos muitas experiências, mas pouca dedicação ao tema. Um seminário como esse pode fazer com que a area de CT&I saia na frente, criando toda uma repercussao sobre a forma de condução das políticas no Brasil”, destaca o diretor.

O evento
Além de difundir os trabalhos técnico-científicos realizados no país na área de avaliação, o Seminário pretende institucionalizar um espaço para discussões regulares sobre os estudos que envolvam a avaliação de políticas de CT&I, além de despertar o interesse e reflexão sobre o tema.

Em dois dias, serão realizadas conferências, mesa de debate, discussão de artigos e apresentação de estudos técnicos.

Conferência
Programação para ampliar o debate sobre as ações de CT&I, com duas palestras nas temáticas do evento:

  • Avaliação de Políticas de CT&I –  Impactos Regionalizados
  • Uso da Base de Lattes para a avaliação de resultados – avaliação das áreas de conhecimento

Mesa de debate
Debate do tema “Metodologias de avaliação de programas, políticas e trajetórias de inovação”, com a participação de especialistas, visando estabelecer um ambiente de discussão  para reavaliação e aprimoramento de ações em CT&I, para melhor compreensão do tema e por meio de exemplos a serem apresentados.

As sessões temáticas serão divididas em dois momentos para apresentação de: artigos (discussão dos temas de interesse centrados na proposta do Seminário, mais concisos e com foco no impacto) e Pôster (Sessões no formato de apresentações dinâmicas e mais modernas, em versão eletrônica).

É possível fazer inscrição no Seminário para assistir as apresentações. Ela é gratuita e dá direito à participação em todos os eventos.

“O Brasil não tem tradição em avaliar politicas publicas. Temos muitas experiencias mas pouca dedicação ao tema. Um seminario como esse pode fazer com que a area de CT&I saia na frente, criando toda uma repercussao sobre a forma de condução das politicas no Brasil”.

SERVIÇO
Seminário: “I Seminário de Avaliação de Políticas de CT&I”
12 e 13 de setembro de 2018
De 9h às 18h
Auditório do CNPq – Brasília (DF)
Outras informações e inscrições, no site: https://www.cgee.org.br/web/seminarioavaliacaocti