Faps

Sobre as FAPs

Encontre uma FAPs

Escolha um estado:

Fundação Cearense de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico - FUNCAP

Fundação Cearense de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico - FUNCAP

O objetivo da Fundação Cearense de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico (FUNCAP) é contribuir para o desenvolvimento social e econômico do Ceará por intermédio da pesquisa científica e de sua aplicação sob as formas de tecnologia e inovação.


Tarcísio Haroldo Cavalcante Pequeno Presidente

Tarcísio Haroldo Cavalcante Pequeno

Possui graduação em Engenharia Civil pela Universidade Federal do Ceará (1970), mestrado em Informática pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (1977) e doutorado em Informática pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (1981), com sandwich na Universidade de Waterloo, no Canadá(1979). Foi professor na PUC do Rio e Universidade Federal do Ceará. Foi Visiting Faculty no Imperial College, Londres(1989), e na University of New Hampshire (1985). É professor titular da Universidade de Fortaleza. Foi membro da diretoria da SBPC, da diretoria da SBC, do Comitê Assessor em Ciência da Computação do CNPq, representante da área de Ciência da Computação na CAPES. É Presidente da Fundação Cearense de Apoio ao Desenvolvimento Cientifico e Tecnológico – FUNCAP. Foi Secretário de Ciência, Tecnologia e Inovação de Fortaleza. Atua nas áreas de Inteligência Artificial e Filosofia, com ênfase em Lógica, Lógicas não monotônicas, Lógicas paraconsistentes, métodos de prova, Filosofia da Linguagem, Filosofia da mente, filosofia da ciência. Tem desenvolvido interesse no estudo de processos de decisão e ciência da cidade.

Fundação de Apoio à Pesquisa do Distrito Federal - FAPDF

Fundação de Apoio à Pesquisa do Distrito Federal - FAPDF

A Fundação de Apoio à Pesquisa do Distrito Federal (FAPDF) foi criada pela Lei Nº 347, de 04/11/1992 e implementada em 04 de novembro de 1993. É uma entidade com personalidade jurídica de direito privado, sob a forma de fundação pública e tem por finalidade estimular, apoiar e promover o desenvolvimento científico, tecnológico e de inovação do Distrito Federal, visando ao bem-estar da população, defesa do meio ambiente e progresso da ciência e tecnologia.


Alexandre André dos Santos Presidente

Alexandre André dos Santos

Alexandre André dos Santos é geógrafo pela Universidade da Região de Joinville (Univille), mestre em Geografia pela Universidade de Brasília (UnB) e doutorando em Planejamento e Integração Econômica e Territorial pela Universidade de Leon (Espanha).

Atuou como Secretário das Comissões de Finanças e Direitos Humanos da Assembleia Legislativa de Santa Catarina, no período de 1995 a 1998. Entre 1998 e 2004, foi Coordenador de Políticas de Juventude na Prefeitura de Joinville e, em 2003, atuou como Técnico Especializado do Ministério da Saúde.

Desde 2008 é servidor público federal concursado no Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), onde foi Coordenador Geral de Operações Logísticas em 2011. Em dois períodos, 2012 a 2014 e 2015 a 2016, foi Diretor de Avaliação da Educação Básica no mesmo Instituto. Ainda em 2014, assumiu a Secretaria Municipal de Educação de Bombinhas, em Santa Catarina.

No Inep, foi diretor de Avaliação da Educação Básica (Daeb) entre 2012 e 2016. A Diretoria tem a responsabilidade institucional de garantir a realização do Enem e das avaliações que compõe o Sistema Nacional de Avaliação da Educação Básica (Sinaeb), incluindo a aplicação do PISA no Brasil. Como diretor da Daeb, teve participação decisiva no processo de consolidação do Enem, período em que a aplicação deixou de apresentar problemas de logística operacional.

Implantou, em 2013, a Avaliação Nacional de Alfabetização (ANA) e viabilizou a aplicação do SAEB/Prova Brasil nos anos de 2013 e 2015. Liderou, em 2016, a reflexão acerca de nova proposta de Sinaeb, alinhado ao Plano Nacional de Educação. Liderou a implantação de Modelo de Excelência em Gestão Pública na Daeb e recebeu, em 2012, o Prêmio Gestor de Excelência do Instituto Brasileiro de Administração Pública.

Como pesquisador, lidera o Laboratório de Inovação em Práticas de Pesquisa Educacional (Labinova), com 200 diretores e 20 secretários municipais de educação que atuam na troca experiências sobre a melhoria da qualidade da educação básica, por meio da inovação e da gestão.

Tem diversas publicações em periódicos nacionais e internacionais (2 classificadas B1, 2 classificadas B2 e 3 classificadas B3). Tem experiência na área da Gestão Pública, com ênfase em gestão de pessoas, políticas públicas sociais e avaliação.

Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação do Espírito Santo - FAPES

Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação do Espírito Santo - FAPES

A missão da Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação do Espírito Santo (FAPES) é fomentar ações de Ciência, Tecnologia e Inovação para geração e difusão do conhecimento no Estado do Espírito Santo. Para o pleno exercício de seus objetivos a FAPES deverá custear, total ou parcialmente, projetos de pesquisa científica e tecnológica desenvolvidos por pesquisadores autônomos, de instituições públicas ou de entidades privadas.


José Antônio Bof Buffon Presidente

José Antônio Bof Buffon

Graduado em Economia pela Universidade Federal do Espírito Santo (1983) e mestre pelo Instituto de Economia da Universidade Estadual de Campinas (IE/Unicamp). Desde 1985 é professor e pesquisador do Departamento Economia da Universidade Federal do Espírito.

Entre fevereiro de 2011 e março de 2013 esteve cedido ao Banco do Estado do Espírito Santo S. A. (Banestes), onde atuou como Diretor Comercial. Também já esteve cedido para outras instituições, atuando funções relacionadas ao desenvolvimento econômico: no Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), atuou como Assessor da Diretoria da Área de Desenvolvimento Regional e Social; no Ministério de Ciência e Tecnologia (MCT), na condição de Assessor Especial do Ministro, sendo um dos responsáveis pela coordenação do Programa de Cooperação Científica e Tecnológica para o Desenvolvimento Regional; e no Banco de Desenvolvimento do Espírito Santo S. A. (Bandes), onde foi responsável pela Diretoria de Crédito e Fomento e também Diretor-Presidente.


Atua como Diretor Presidente da Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação do Espírito Santo – FAPES desde 06 de janeiro de 2015. As áreas principais de interesse são: desenvolvimento regional e urbano, política e desenvolvimento agrário, agricultura familiar, política industrial, desenvolvimento local e territorial; planejamento e gestão estratégica de empresas e governos, inovação, crédito e fomento.

Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Goiás - FAPEG

Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Goiás - FAPEG

A Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Goiás (FAPEG), criada pela Lei 15.472, em 2005, atua no fomento à pesquisa científica, tecnológica e de inovação, contribuindo para o desenvolvimento socioeconômico e cultural de Goiás.


Robson Domingos Vieira Presidente

Robson Domingos Vieira

Robson Domingos Vieira é engenheiro elétrico, graduado pela Universidade Federal de Goiás – UFG (1998), com mestrado e doutorado pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro – PUC RJ (2001 e 2005). Entre 2002 a 2005, trabalhou como pesquisador assistente no Centro de Estudos em Telecomunicações (Cetuc) e realizou diferentes projetos de pesquisas para a Nortel e a Claro. Em 2005, ingressou no Instituto Nokia de Tecnologia como pesquisador especialista, onde permaneceu até 2018, tendo trabalhado em diferentes projetos de pesquisas aplicada com a Nokia CIC, a Nokia Research Center (NRC) e a Microsoft em GERAN/WiMAX/LTE/LTE-A/5G e Wi-Fi, e em atividades regulatórias do uso do espectro na Europa (TV White Spaces) e a padronização das tecnologias GERAN (3GPP), WiMAX (IEEE 802.16m) e WLAN (IEEE 802.11ax). Atuou também como pesquisador associado da Universidade de Brasília (UnB), de 2006 a 2010.

Em 2010, assumiu o cargo de Gerente de R&D no Instituto Nokia e tinha como a principal atividade desenvolver equipes de alto desempenho para atender as atividades de padronização da Nokia e gerar um número expressivo de patentes. Em 2013, atuou como gerente de Linha e foi responsável pela área Hardware & Conectividade no Instituto Nokia composta por 48 engenheiros com diferentes expertises e dois laboratórios (Telecom e Hardware), distribuídos em três cidades: Brasília, Manaus e São Paulo. Em 2014, atuou como Head of Technology do Instituto de Desenvolvimento Tecnológico com a responsabilidade de liderar e definir a direção tecnológica da empresa através de um roadmap tecnológico, de um portfólio de projetos e parcerias com as universidades.

Em 2016, Robson Vieira fundou a Ektrum com outros especialistas em tecnologia, empresa na qual desenvolve pesquisa aplicada, produtos e consultoria em diversos tópicos relacionados a sistemas 4G/5G. Foi responsável também pelo planejamento estratégico da empresa e desenvolvimento de negócios. Autor de mais de 50 artigos em revistas e conferências nacionais e internacionais na área, com 9 patentes depositadas ou concedidas, e várias contribuições em fóruns internacionais de regulação e padronização (ITU, CEPT/ECC, IEEE, 3GPP).

Fundação de Amparo à Pesquisa e ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico do Maranhão - FAPEMA

Fundação de Amparo à Pesquisa e ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico do Maranhão - FAPEMA

A missão da Fundação de Amparo à Pesquisa e ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico do Maranhão (FAPEMA) é estimular a ciência e a tecnologia no Maranhão, proporcionando aos pesquisadores maranhenses condições para a realização de projetos de pesquisa e intermediando a transformação do conhecimento científico em instrumento capaz de contribuir para a redução das assimetrias sociais.


Alex Oliveira de Souza Presidente

Alex Oliveira de Souza

Atual presidente da FAPEMA, Alex Oliveira possui graduação em Arquitetura e Urbanismo pela Universidade Federal da Paraíba, mestrado em Desenvolvimento Urbano pela Universidade Federal do Pernambuco e doutorado em Urbanismo pela Universidade de Paris Est.

Atualmente é Professor Adjunto II da Universidade Estadual do Maranhão (desde 1995), Professor do Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Socioespacial e Regional (2014), Conselheiro Federal Suplente do Conselho de Arquitetura e Urbanismo do Brasil. Foi Coordenador do Atelier Internacional de Criação Urbana – EQUINOX com Brasil, França e Itália (2009-2014); Vice-Presidente do Conselho de Arquitetura e Urbanismo do Maranhão (2012-2014); Coordenador Local do Doutorado Interinstitucional em Urbanismo entre a Universidade Federal do Rio de Janeiro e UEMA (2009-2011); Chefe do Departamento de Arquitetura e Urbanismo da UEMA (2009-2012); Diretor do Curso de Arquitetura e Urbanismo da UEMA (2001-2002); Coordenador Local do Mestrado Interinstitucional em Desenvolvimento Urbano entre UFPE e UEMA (1999-2000).