| Em 06/02/2020

Confap participa de Fórum que aborda a cooperação científica em prol do Oceano Atlântico

 

All-Atlantic Ocean Research Fórum     reúne representantes de diversos países em Bruxelas, Bélgica, em prol da cooperação científica para o Oceano Atlântico. (Foto: Reprodução Twitter @AndreiPolejack)

O   Conselho Nacional das Fundações Estaduais de Amparo à Pesquisa – Confap, no conjunto de suas Fundações, representado pelo presidente, Evaldo Vilela, participou na quinta-feira (06/02), em Bruxelas, Bélgica, do   All-Atlantic Ocean Research Fórum, realizado pela União Europeia.

O Fórum reúne líderes políticos e comunitários, pesquisadores, jovens embaixadores e palestrantes de todo o Atlântico, do Ártico à Antártida, com o objetivo de apresentar os resultados das pesquisas e reafirmar a importância da cooperação entre os países, em prol do Oceano Atlântico e dos cidadãos que residem em suas margens.

A mesa redonda “Unveiling the resources of the Atlantic Ocean” aconteceu na tarde desta quinta-feira (06/02) em meio à programação do   All-Atlantic Ocean Research Fórum.

 

Evaldo Vilela, participou da mesa redonda “Unveiling the resources of the Atlantic Ocean“, que contou com as participações de   Geneviève Béchard  (Canadian Hydrographic Service, Fisheries & Oceans),   Alan Leonardi (NOAA Ocean Exploration an Research Program, EUA),    David Millar (Fugro, EUA), Alexandra Neyts (EU Aguaculture Tecnology & Innovation Plataform) e   Mafaniso Hara (University of the Western Cape – África do Sul).

Na oportunidade, o presidente Evaldo Vilela destacou a importância de se comunicar os resultados científicos positivos para a sociedade, e de dar maior visibilidade a esses resultados para as autoridades que tomam importantes decisões. Vilela ainda pontuou sobre a importância da troca de experiências, desafios e soluções em um contexto internacional, como o Fórum que acontece em Bruxelas proporciona aos representantes de diversos países presentes, para inspirar e direcionar o fomento às pesquisas, que trarão grandes resultados para a sociedade, e impulsionarão as ações de cooperação realizadas para o Oceano Atlântico, bem como, para o benefício dos cidadãos que vivem próximos a ele.

 

Evaldo Vilela e Elisa Natola do Confap (à esquerda); Marcelo Morales (ao centro), Maria Zaira Turchi e Cláudia Magalhães do MCTIC (à direita); e Janice Trotte Duhá da Marinha do Brasil (ao centro).

 

Em relação a presença do Confap e demais representantes de instituições brasileiras no Fórum, Evaldo Vilela destaca que: “o encontro é uma oportunidade para que as Fundações de Amparo à Pesquisa, por meio do Confap, possam conhecer os programas que a União Europeia está lançando em 2020, além de fortalecer cada vez mais a cooperação Brasil – Europa, já bastante atuante via Confap e Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC). Como tivemos recentemente o acidente na costa brasileira com o vazamento de petróleo que atraiu os olhares internacionais, existe uma possibilidade muito grande de parcerias e incentivos para pesquisas a respeito da biodiversidade, do impacto da ação do ser humano no oceano, e da geração de riqueza a partir da utilização sustentável dos recursos do mar, e com isso, gerar benefícios tangíveis a vida de nativos, pescadores e empreendedores que dependem do oceano para sustento”.

 

Assessoria de Comunicação Social do Confap

 

> Siga o Confap nas Redes Sociais:    FACEBOOK   /   LINKEDIN   /   TWITTER    /    INSTAGRAM