| Em 12/11/2019

Presidente da SBPC palestra na Manhã de Ciência e Tecnologia

Foto Ildeu_400.jpg

“A C&T como vetor de desenvolvimento para o Estado e a importância das Fap`s nesse processo” será o tema da palestra do presidente da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência – SBPC – Prof. Dr Ildeu Moreira nesta quarta-feira,13 às 8h30 no auditório do Palácio Araguaia.  O momento oportunizará ainda, um debate com a comunidade científica.

Para o presidente da Fundação de Amparo à Pesquisa do Tocantins (Fapt), Prof. Dr. Márcio Silveira, “o evento é muito importante pois representa um investimento na Ciência e Tecnologia como vetor de desenvolvimento para o Estado. Nesse aspecto a Fapt compartilha com a comunidade cientifica, com os empresários e com os parlamentares uma manhã de reflexão e de ações fundamentais que o governo tem promovido nos últimos 30 anos de Tocantins, o que demostra valorização aos talentos dos pesquisadores”, explica.

Para o Prof Dr Ildeu Moreira, a Fapt é essencial para o desenvolvimento cientifico, tecnológico e de inovação do Estado do Tocantins. “Desta forma precisamos debater ideias a fim de explanar a realidade da Ciência e Tecnologia do país. ” Moreira enfatizou sobre a importância do papel e do trabalho que a Fapt vem desenvolvendo no Estado.

Perfil

Prof Ildeu Moreira é Doutor em física pela UFRJ, professor do Instituto de Física e do programa de pós-graduação em história das ciências da UFRJ. Realizou estágios de pesquisa na França, na École Polytechnique e na Universidade de Paris VII. Trabalha nas áreas de física teórica (sistemas não-lineares), história da ciência, em particular história da ciência no Brasil, e comunicação pública da ciência.

Programação

Lançamento de quatro editais – Uma ação que contempla pesquisadores de instituições públicas e privadas do Estado que visa o desenvolvimento científico, tecnológico e de inovação do Tocantins. Um investimento R$ 1,2 milhão.

Entrega de 63 computadores para pesquisadores no valor de R$ 270.500 referente ao Convênio Estruturante realizado entre Governo do Estado e Financiadora de Estudos e Projetos – Finep. O qual contempla nove projetos vinculados à UFT, UNITINS e UNIRG beneficiarão em torno de 300 pesquisadores que tem acesso aos laboratórios das instituições de ensino superior públicas e privadas de Araguaína, Gurupi e Palmas. Além de facilitar o andamento dos estudos nas áreas de fitoterápicos, uso de efluentes, plantas medicinais, plantas do cerrado, agropecuária, resíduos orgânicos, Agro energia, aquicultura e Laboratório de Referência Animal de Araguaína.

Lançamento da frente parlamentar de ciência, tecnologia e inovação de Apoio aos Parques Tecnológicos e Ambiente de Inovação, com o objetivo de articular e fomentar políticas públicas nos campos da ciência, tecnologia e inovação no âmbito do Estado do Tocantins. O requerimento já foi aprovado e tem como autor o deputado Estadual, Ricardo Ayres.

Assinatura da Ordem de Serviço do Laboratório de Referência Animal de Araguaína (Lara)

O Laboratório de Referência Animal de Araguaína – Lara, é um empreendimento que vai trazer custo benefício ao agropecuarista com a facilidade da logística e a redução do custo de 18 exames. Por meio do convênio Estruturante estão sendo investidos R$ 1.244.912,00 (Um milhão, duzentos e quarenta e quatro mil e duzentos e doze reais) oriundo da Financiadora de Estudos e Projetos (Finep), governo federal com contrapartida do Governo estadual.

Fonte: Comunicação Fapt. Texto – Geórgya Laranjeira Corrêa/ Governo do Tocantins